O Varejo em Crise

Em tempos de crise, a mudança no cenário econômico é inevitável e assustadora. É muito comum o aumento constante do desemprego e a redução nos faturamentos das empresas que, rapidamente, nos leva a pensar:

E agora? O que fazer?

Varejo em Crise canais de venda

A crise, apesar de contraditório, é um dos melhores momentos para se abrir um novo negócio ou “reinventar” a sua empresa, pois é neste período que se destacam as grandes oportunidades do mercado, principalmente a necessidade de produtos ou serviços específicos, espaços inexplorados pelos seus concorrentes.

O E-commerce (comércio eletrônico), mesmo com a crise, está em constante crescimento pois permite ao consumidor encontrar alternativas para os produtos e preços das lojas físicas. Segundo o WebShoppers, relatório realizado pelo E-bit e Buscapé Company, a estimativa de crescimento do comércio eletrônico é de 8%, atingindo um total de R$ 44,6 bilhões em 2016.

Interesse compra online

Além disso, o E-commerce proporciona diversas outras vantagens, tais como:

  • Permite conhecer o público-alvo através de ferramentas e relatórios que são capazes de fornecer informações sobre o comportamento e interesses do consumidor;
  • Otimização dos investimentos em Marketing, pois permite criar anúncios direcionados conforme o perfil do seu público-alvo;
  • Redução de custos de estrutura e menor risco de investimento;
  • Mais flexibilidade nos horários de vendas, pois existem consumidores potenciais conectados à Internet 24 horas por dia;
  • Maior abrangência na área de atuação, permitindo a venda em todo território nacional e até internacional.

Confira os setores que mais faturaram em 2015 no E-commerce.

Moda e Acessórios, Eletrodomésticos, Celular, Cosméticos Casa e Decoração

Você, lojista, está preparado para a mudança?

Fontes: Revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios | E-BIT/Buscapé

 

Sobre o autor

Posts relacionados

Em dois dias de ofertas, a Black Friday 2017 gerou faturamento de R$ 2,1 bilhões para o e-commerce...

Já não é novidade o quanto é importante estar presente no comércio eletrônico, ainda mais...

A Febraban (Federação Brasileira dos Bancos) revelou que até o final de 2017 todos os boletos serão...

Escrever comentário